jump to navigation

ACIDENTE NO SOLO janeiro 18, 2008

Posted by JN, Rio de Janeiro in absurdo.
add a comment

escada-de-aviao-via-flickr-cc-de-biepmiep.jpg

Realmente acontece de tudo…saiu publicado hoje, dia 09/01, no jornal Diário de S.Paulo, que uma funcionária de TAM caiu da porta do avião e teve traumatismo craniano. Os problemas de segurança também acontecem  no solo.

A íntegra da matéria:

“A funcionária da TAM Deonice Santana está internada em estado grave na UTI do Hospital Geral de Guarulhos, na Grande São Paulo, desde a tarde de segunda, quando caiu de uma altura de, pelo menos, dez metros ao sair do avião A-340 em que fazia limpeza. Ela teve traumatismo craniano e um exame apontará se ela teve morte cerebral, segundo a secretaria de estadual da Saúde.

Suspeita-se que algum funcionário da empresa esqueceu de colocar uma fita de segurança na porta quando retirou o carro que carrega a escada, responsável por ligar a aeronave à terra. O procedimento é uma norma de segurança da aviação, segundo Celso Klafke, presidente da Federação Nacional dos Trabalhadores da Aviação Civil. Sendo assim, Deonice não teria percebido que a escada não estava mais acoplada à porta do avião quando foi sair dele.

A mulher despencou e caiu batendo a cabeça no chão do pátio do aeroporto. Inconsciente, Deonice foi socorrida pela equipe de resgate do Aeroporto Internacional de Guarulhos e levada para o hospital por volta das 14h. Outra hipótese, levantada por Orisson de Souza Melo, vice-presidente do Sindicato dos Aeroviários de Guarulhos, leva em conta que o motorista do carro saiu quando Deonice deu o primeiro passo na escada.

A TAM se comprometeu a apurar as causas do acidente. Por meio de nota, a empresa informou que “está prestando toda a assistência à funcionária e aos seus familiares”.

– Infelizmente, o que podemos fazer é confortar a família e pedir que esse acidente seja apurado – diz o sindicalista Orisson de Mello.

 – É um indício da falta de funcionários e da pressa com que são feitos os trabalhos antes do vôo. Sem levar a segurança em conta – opina Celso Klafke”.  

Imagem acima de Biepmiep via Flickr cc

Anúncios

MILAGRE AÉREO novembro 25, 2007

Posted by JN, Rio de Janeiro in absurdo, não-convence.
add a comment

old-bus-by-dogset-via-flickr-cc.jpg

Sábado, dia 17/11/07, saiu em praticamente todas as mídias, que os aeroportos ficaram vazios no dia anterior, entre o feriado e o fim de semana, acarretando cancelamento de diversos vôos.

É um milagre, pois depois do caos que acontece há vários meses e da falta de competência de se resolver os problemas, os passageiros não querem arriscar. Os que precisaram viajar, mais uma vez se ferraram, pois só recebiam a informação de que os vôos foram cancelados.

Vocês sabiam que as companhias costumam cancelar vôos com ocupação abaixo de 50% e só são multadas se os passageiros não conseguirem outro vôo? Eu li hoje. E o tempo que se perde tentando conseguir outro vôo? Ninguém é multado ou paga por isso? E nós, consumidores, sempre saímos prejudicados. Aliás, quando o problema de atraso é metereológico, não temos direito a nada até se passarem quatro horas.

Segundo a Gol e a Tam, o cancelamento de vôos é normal em feriados e fins de semana. A Tam ainda diz que faz parte da estratégia da empresa. A sacanagem é que eles não avisam que vão cancelar e nós ainda chegamos com uma hora de antecedência no aeroporto e ficamos esperando essa tal de realocação por mais algumas horas. Temos é que pensar em alguma “estratégia” para os passageiros, com o objetivo de acabar com essa sacanagem. 

É evidente que a chuva também ajudou a desestimular qualquer viagem e os passageiros sumiram. Mesmo assim, esse “apagão de passageiros”, como mencionou o jornal O Globo, é uma excelente forma de pressão para que as companhias aéreas, o governo e todas as autoridades responsáveis façam algo para resolver este absurdo. Duvido que vão querer ficar com esse prejuízo. Rapidamente vão arrumar a casa e nos devolver um serviço correto, competente e de direito do cidadão, que paga corretamente as suas passagens.

Na televisão fizeram até uma matéria mostrando várias pessoas optando por viajar de ônibus ou carro e deixando para programar viagens aéreas só para as férias e em vôos internacionais.

Quando mexe no bolso, aí o milagre acontece…logo vão dar um jeito de resolver tudo. E voltaremos a ter os nossos direitos respeitados.

Fui, mas não de avião. 

Foto acima de dogset, via flickr cc

LARÁPIO NO AR novembro 24, 2007

Posted by JN, Rio de Janeiro in absurdo, cada uma!, gente, Pode isso?.
2 comments

carteira-masculina-by-ajoie-via-flickr.jpg

Semana passada, fui de São Paulo para Brasília de Varig, no vôo das 18h35m. Eu estava sentado em uma poltrona do corredor e um amigo na outra poltrona do corredor ao lado. O vôo só tinha 17 passageiros. Até pensei que a Varig fosse cancelar, pois o prejuízo era evidente. Não cancelou e saiu no horário. Ponto para a Varig.

Aliás, cabe aqui um registro. Tenho viajado muito pela Nova Varig (em minha opinião será apenas a Varig de sempre) e eles têm mantido os vôos e saído, quase sempre, no horário. E o serviço de bordo tem sido atencioso e correto. E, principalmente, mesmo depois de ser adquirida pela Gol, tem servido um lanche bem atraente e gostoso. O café da manhã é pequeno, mas muito bom. E nada de barrinhas. Ainda bem. E parabéns.

Voltando.

Ficamos conversando quase que durante todo aquele vôo semi particular. Quando chegamos reparei que atrás de nós só tinham dois passageiros e um era funcionário da Varig (estava com crachá). Levantei para pegar a minha mala e saímos da aeronave.

Quando já estávamos quase saindo da área de desembarque por aquela porta automática que sai em frente a todas aquelas pessoas com placas contendo o nome dos passageiros que vão ganhar uma carona, coloquei a mão no bolso direito traseiro da minha calça e notei que a minha carteira não estava lá, como sempre. Parei e achei que devia ter caído no banco da aeronave. Deixei minha mala com o meu amigo e voltei rápido até o finger.

Expliquei que a minha carteira deve ter caído do bolso perto do meu assento e me deixaram entrar na aeronave. As aeromoças ainda estavam lá e me acompanharam até o meu assento. Não estava sobre o banco e nem em volta, o que me deixou apreensivo por um instante, pois todos os meus documentos estavam na carteira. Eu normalmente não carrego mais do que dois cartões de crédito, mas naquele dia levei cinco. Uma das aeromoças disse que o pessoal da limpeza podia ter encontrado, mas começou a vasculhar os bolsões dos bancos na frente do meu assento e, de repente, lá estava a minha carteira. No bolsão do assento do meio da fileira.

Foi um alívio…mas o dinheiro sumiu…uns duzentos reais. Só levaram isso. Graças a Deus deixaram todos os documentos.

Falei do desaparecimento do dinheiro e as aeromoças foram falar com o responsável pela limpeza. Como a limpeza ainda não tinha acabado, eles disseram que não viram nada. Pode ser. Também me lembrei daqueles dois passageiros que saíram depois de mim. Também pode ser.

Mesmo assim, fui embora aliviado e feliz. Uma aeromoça disse que quem pegou não vai dormir com a consciência tranqüila. É verdade. Quem pegou o dinheiro que faça bom proveito. Até no ar nós temos larápios.

O meu amigo brincou: só podia ser em um vôo para Brasília.

Que maldade…

Foto acima de ajoiê, via Flickr cc

PROPAGANDA ENGANOSA novembro 24, 2007

Posted by JN, Rio de Janeiro in absurdo, não-convence, papo-furado.
add a comment

old-airport-by-kaptain-krispy-kreme-via-flickr-cc.jpg

Saiu publicado na coluna do Anselmo Gois de hoje, domingo, dia 04/11/07, a seguinte nota:

“Fala Sério, Infraero!

 A Infraero está escolhendo uma agência de publicidade. A conta é de R$ 15 milhões. Entre as exigências está “destacar a modernidade, segurança e tecnologias dos aeroportos brasileiros”.

E quando vão resolver os problemas dos nossos modernos aeroportos?

Parece propaganda enganosa. E é.”

——————————————————————————-

Foto acima de Kaptain Krispy Kreme via Flickr cc

APAGÃO AÉREO novembro 10, 2007

Posted by JN, Rio de Janeiro in absurdo.
1 comment so far

aeroporto-escuro.jpg

Em todos os meios de comunicação da semana passada só se lia ou ouvia:– “Briga aumenta risco de novo apagão aéreo”;– “Infraero avisa: evite vôo em hora de pico”;– “Sob pressão, Zuanazzi deixará Anac”;– “Zuanazzi cai atirando em Jobim”;– “Funcionários de Cumbica marcam greve para terça”;– “Aeroportos de SP têm operação-padrão”;– “A Copa é nossa. Agora, só faltam os aeroportos, as rodovias, os trens, os metrôs, os estádios. E Pelé” (esse texto sensacional foi a manchete principal do jornal O Globo de quarta, dia 31/10/07).  

E o principal destaque de toda essa divulgação foi a briguinha do ministro da Defesa Nelson Jobim com o presidente da Anac, Milton Zuanazzi. Este disse que o ministro não entende de aviação e que integra uma elite que não quer que pobre viaje de avião. Ainda disse que as medidas do ministro podem levar ao aumento das tarifas.

Resumindo: ele disse que estamos fudidos com as atitudes desse ministro (com todo o respeito, é claro).

Foto acima de cloud nine via Flicker cc

“VERGONHA NACIONAL” outubro 9, 2007

Posted by JN, Rio de Janeiro in absurdo, não-convence.
add a comment

avioes.jpg

Peço desculpas pela ausência aos meus leitores, mas estive viajando (de avião, é claro)a, porque ninguém é de ferro.Pensei que ia voltar e que estaria tudo resolvido nos aeroportos…que idiota. Abro os jornais e tudo está na mesma…ou pior. Sei lá. Hoje, dia 05/10/07, saiu na mídia que a Federação Internacional critica sistema aéreo no Brasil e que o Ministro Jobim reagiu. É incrível, né? Reagiu com uma cara de pau impressionante. A crítica foi “Novo desastre aéreo é questão de tempo”. O pior é que acho que eles tem razão. Outra manchete bombástica foi “Aeronáutica deixou de controlar aviões menores”. Aonde vamos parar???? Na TV ocorreram entrevistas com passageiros que disseram “a espera agora é dentro dos aviões”, ou seja, a redução do número de vôos em Congonhas não aliviou o problema para os passageiros, pois agora as filas no saguão diminuiram e a espera dentro dos aviões é enorme. Os comandantes dizem que o problema é de congestionamento e algumas companhias aéreas dizem que é reflexo do ajuste da nova malha aérea. Enfim, fiquei fora uns tempos, voltei e a coisa continua igual ou pior. É uma vergonha nacional.

Foto acima de caribb, via flickr cc

COMO DANTES agosto 26, 2007

Posted by JN, Rio de Janeiro in absurdo, não-convence, papo-furado.
add a comment

airport-mass.jpg

Perguntar não ofende: se o número de vôos de Congonhas foi reduzido, por que a bagunça do aeroporto continua?Reposicionamento de aeronaves, mudança de portões de embarque, atrasos na decolagem, tudo igual.

Ontem a noite, num vôo da TAM para o Rio, o embarque começou às 19h20m, mas o avião só decolou às 20h40m. O comandante disse que a pista estava “congestionada”. 

Via coluna do Ancelmo Góis no jornal O Globo de sãbado, 26/08/2007.

Foto acima de JotoLo02

SEM CONTROLE agosto 2, 2007

Posted by JN, Rio de Janeiro in absurdo, não-convence, papo-furado.
add a comment

paper-airplane-bu-davekellan-via-flickr-cc.jpg

Um amigo me disse que certa vez, o Cmte. Lemos, ex-Cruzeiro e VARIG, disse uma frase emblemática: “Dentro de alguns anos, só teremos um piloto e um cachorro na cabine de comando. O cachorro prá não deixar o piloto tocar em nada”. 

Pelas últimas informações sobre o trágico acidente da TAM, depois da análise da caixa-preta, o que se diz é que a culpa é do piloto e, talvez, do computador de bordo. 

Leia mais:

O que pode ter provocado acidente da TAM

Divulgação de conteúdo de caixas-pretas aponta possíveis hipóteses para tragédia.
Especialistas em aviação citam de falha humana a defeitos na fabricação da aeronave.

Foto acima de davekellan, via Flickr cc

MOTIM EM RECIFE – continuação julho 21, 2007

Posted by JN, Rio de Janeiro in absurdo, Pode isso?, tumulto e briga.
1 comment so far

Via blog da Miriam Leitão, aqui.

Míriam Leitão – 21.7.2007| 12h15m

A confusão continua no sábado 

Acabei chegando.

Os amotinados foram convencidos a sair do avião, enquanto esperávamos pacientemente sabendo que eles deviam ter um motivo.  

-Eles não estão errados não. Ninguém sabe o que é, mas devem ter razão – comentou uma passageira na fila do portão. 

Quando entrei no avião perguntei a tripulação como foi que eles convenceram os passageiros a sair. 

-Uma história longa, foi um sufoco. 

-Mas o que eles queriam? 

-Ir para Guarulhos, mas este avião está indo para o Galeão. Eles não aceitavam isso – me disse um dos tripulantes.  

Acabo de ler os jornais e está claro que a nota de Marco Aurélio Garcia culpando a imprensa e fazendo um pedido de desculpas meio desafora “se ainda assim alguém se sentir ofendido…” só pode acontecer mesmo no atual governo. Em qualquer um ele teria sido demitido. Tudo é tão inaceitável. A melhor frase é de Tião Viana do PT: “O gesto é incompatível com a função pública e requer providências. Eu me sinto ofendido”. Mas Marco Aurélio culpa a imprensa pelo seu próprio gesto que Zuenir Ventura definiu, em artigo de hoje no Globo, com a mais forte e mais precisa palavra: “gesto cafajeste”. 

Guiomar, leitora do blog, me pergunta se teve alucinação ou é verdade que foram condecorados como mérito aeronáutico os presidentes e diretores da Anac. Infelizmente, confira nos jornais Guiomar, é tudo verdade. Eles estão lá garbosos com a medalha no peito. Inacreditável, voce tem razão e ter se perguntado se era alucinação sua. 

Ontem, no aeroporto em que zanzava tentado embarcar, um passageiro furioso me parou e disse: -Escreva lá que estou aqui há cinco horas tentando embarcar e não sei que horas sai meu vôo. Fui na Anac e protocolei o pedido de que toda a diretoria se demita.

Fique registrado.  

Houve um momento na confusão quando se fez um impasse entre os que queriam entrar no avião e os que queriam sair, que alguém disse: 

-Chame a Anac. 

E os outros reponderam: 

-Que Anac! 

Hoje sábado está tudo confuso de novo. Soube pelo meu filho que estava tentando sair de Brasilia.

É UM ABSURDO!!!! julho 19, 2007

Posted by JN, Rio de Janeiro in absurdo, não-convence.
add a comment

bombeiros-tam-2.jpg

Até agora, 48 horas depois do trágico acidente com o avião da TAM em São Paulo, nenhuma autoridade sediada em Brasília se pronunciou e nem apareceu no local do acidente.

Onde está o presidente da Infraero, a diretoria da ANAC, o pessoal da aeronáutica, o Ministro da Defesa e até o nosso presidente?

Dizem que o presidente Lula vai se pronunciar em breve e que vai demitir muita gente.

Vamos aguardar.

Que lições podemos tirar deste triste episódio?

Foto via Estadão