jump to navigation

COPILOTO DA TRAGÉDIA NO RECIFE TEVE DUAS CHANCES DE ESCAPAR julho 16, 2011

Posted by JN, Rio de Janeiro in Uncategorized.
trackback

O copiloto do voo 4896 da Noar Linhas Aéreas, Roberto Gonçalves, que caiu quarta-feira em Recife, matando 16 pessoas, teve duas chances de não embarcar, pois além de atender um pedido de um colega para substituí-lo em seu dia de folga, chegou atrasado ao aeroporto dos Guararapes e por pouco não embarcou.

O jornal O Globo divulgou hoje que o filho do copiloto, Adriano Gonçalves, esteve ontem de manhã na sede do IML para acompanhar a liberação do corpo do pai e relatou o drama vivido pela família, que acreditava que Roberto só viajaria no sábado. Ele disse: “infelizmente, aquele era o dia do meu pai”.

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: